José Jorge Peralta

I

Profº Dr. José Jorge Peralta humanista, Professor por missão e por opção, é cientista da linguagem humana: Linguísta e Semioticista, Filósofo, Educador, Historiador e Memorialista.

Possui o título de doutor, na área de Linguista e Semiótica, pela USP (1978). É docente da USP, na mesma área de sua especialidade, onde trabalhou até a aposentadoria.

Defendeu a tese de doutorado, na USP, sob o tema Estilo de Fernando Pessoa e seus Heterônimos (1978).

Trabalha intensamente, por alguns temas matriciais, por uma educação multiforme, competente, transformadora e vital; pela educação, como força motriz da sociedade, como força de humanização das pessoas e da humanidade, para construção de um mundo melhor e mais saudável; pela superação dos radicalismos deletérios, que dividem a sociedade, semeando o ódio entre irmãos.

Militou mais de 50(cinquenta) anos na Educação, no Ensino Superior, na formação de Educadores e de Cientistas da linguagem. Foi professor do Ensino Médio público e particular; foi Diretor de Escola Estadual, concursado e Reitor de Faculdade (Diretor Geral): Europan e Fintec, hoje, Estácio de Sá.

Lecionou Língua Portuguesa, Literatura, Linguística e Semiótica, a serviço da Educação, da Sociedade e da Família.

É um profissional da cultura e da educação, com visão filosófica e histórica, em perspectiva universal, local e plural. Atua na política educacional e cultural. Luta por uma escola educativa, numa sociedade educativa, numa cidade educativa. Como os cidadãos esclarecidos, acredita que uma educação melhor é possível e que a boa educação pode fazer o Brasil muito melhor, para todos.

É natural de Vagos – Aveiro, Portugal.

Dedica-se à educação, à cultura e à arte, no Brasil, há mais de 60 (sessenta) anos.

II

Como empreendedor e estrategista, criou e construiu um Complexo Universitário de alto nível, que dirigiu, na função de Reitor, por mais de 20(vinte) anos: em São Paulo: a EUROPAN ( Faculdade Europanamericana, de Cotia) e a FINTEC (São Paulo, instituições modelares de alto desempenho social e acadêmico.

Na Universidade de São Paulo (USP), como líder estudantil, dirigiu o CAEL, Centro Acadêmico e organizou e dirigiu o 1º Congresso Brasileiro de Língua, Literatura e Linguística – CBLL.

Foi pioneiro, na Universidade, em oferta de cursos à comunidade, abrindo as portas da USP, para toda a comunidade, para o Brasil, na década de 70, com o apoio da FFLCH e da Reitoria. Participou do Conselho do Departamento de Linguística e Semiótica; Foi membro da Comissão de Graduação, em nível de Faculdade, e da Comissão de Licenciaturas em nível de Reitoria, na USP.

Em termos de produção acadêmica, produziu uma vasta obra, mais de 30 volumes, em prosa e em verso, nas áreas de Linguística e Semiótica, Filosofia, Pedagogia, Humanista, História, Memórias, Espiritualismo e Paisagismo.

Publicou Centenas de estudos e comentários na Internet.

Aposentado de suas atividades docentes e gerenciais, por tempo de serviço, continuou a trabalhar, regular e intensamente, na área de produção literária, social e filosófica. Prosseguiu sua carreia, na elaboração de estudos humanísticos e filosóficos, com dedicação integral, a partir de 2007. É analista atuante, nas áreas de políticas culturais.

Alguns Títulos

– Licenciados e Bacharel em Filosofia e em Letras;

– Doutor na área e Linguística e Semiótica – FFLCH-USP

– Bacharel em Teologia, pela Faculdade de Ns. Sra. da Assunção da PUC-SP – 1965

– Criou e dirigiu a Revista Universitária, Ideias & Fatos.

– Dirige a Rede Globivox, na Internet.

– Dirige o Instituto Edubraz de Educação e Humanismo e o Instituto ITE – Instituto Tropical de Estudos Estratégicos.

– É presidente do Instituto HILASA, que reúne gente de alto gabarito, moradores de Santo Amaro.

– É membro da Academia Paulistana de Letras e Artes, de Santo Amaro – APLA.